Anúncios

Autônomos querem participar da administração do Sest/Senat

Reivindicação foi apresentada ao presidente da comissão que discute o marco regulatório do TRC

Nelson Bortolin

A Confederação Nacional dos Transportadores Autônomos (CNTA) quer participar da administração do Sest/Senat, hoje comandado pela Confederação Nacional dos Transportes (CNT). Essa foi uma das propostas defendidas durante um debate sobre o marco regulatório do Transporte Rodoviário de Carga (TRC), realizado na sede da entidade, na última segunda-feira, 4, em Curitiba.  O evento contou com a presença do presidente da comissão especial que trata do projeto de lei 4.860 (marco regulatório), deputado federal Toninho Wandscheer (PROS-PR).

“Até 2012, os autônomos não contavam com uma confederação. A CNTA foi criada naquele ano e agora queremos ser incluídos na administração do Sest/Senat”, defende o presidente da CNTA, Diumar Bueno.

Outra proposta que foi encaminhada aos deputados é a revogação do artigo 23º do projeto de lei, que impede os autônomos de serem contratados diretamente por embarcadores. “Não pode haver esse cerceamento. É inconstitucional. Fere o livre mercado”, afirma Bueno.

Ele conta que o texto preliminar do projeto foi apresentado às entidades dia 20 de julho e que o relator, o deputado Nelson Marquezelli, tem até dia 12 de setembro para apresentar a versão que irá à votação na Câmara. A CNTA reivindica a ampliação do prazo para o debate do assunto. “É um tempo muito exíguo. Precisamos promover uma ampla discussão nacional sobre o marco regulatório”, reivindica.

O debate em Curitiba também contou com a participação do superintendente de Serviços de Transporte Rodoviário e Multimodal de Cargas (Suroc) da Agência Nacional dos Transportes Terrestres (ANTT), Thiago Aragão, além do assessor de Marquezelli, Jonas Lima. Segundo Lima, o projeto do marco tentará agrupar 33 leis que regulamentam o TRC.

Anúncios

“Blog Logística na Veia”

Olá sou o Professor e palestrante Afonso Ivens, graduado em Logística Empresarial, MBA em Gestão Empresarial – Universidade do Grande Rio Docência do Ensino Superior FGV. Trabalhei no SENAI/SENAC RJ, ministrando, elaborando aulas de nos cursos de logística e Administração nos níveis técnico, cursos livres e aprendizagem. Mas ao longo da minha carreira profissional realizei, trabalhos na área de movimentação e transporte de cargas, manutenção preventivas e corretivas de maquinas pesadas e participado de grandes projetos nacionais como reforma do alto forno 3 (CSN, Volta redonda RJ 2001) reforma do alto forno 2 Cosipa Cubatão SP (2002), e entre tantos outros aqui não mencionados.

Deixe uma resposta

%d blogueiros gostam disto: